À DESCOBERTA DA NOSSA CIDADE III

Como qualquer cidade inspiradora que se preze, entusiasma-nos fazer o convite para viver o prazer que é descobrir Vila Real. 
Para lá de uma cidade jovem, de tradição na educação, escondem-se pormenores e detalhes à espera de serem absorvidos com atenção – sem a pressa dos horários e com o à vontade de uma família tipicamente transmontana.

PARA A MANHÃ
Começa o dia pelo centro da nossa cidade. A rua do Rossio é o local escolhido para a primeira visita. O Museu de Arqueologia e Numismática de Vila Real está localizado bem no centro com uma importante coleção composta por 35 mil moedas datadas do século V a.C até ao século VIII d.C. Praticamente todos os objetos recuam aos tempos dos cartagineses, romanos e árabes.

Para além das coleções permanentes, o museu apresenta exposições temporárias que podes consultar no website oficial do museu.

A Casa Diogo Cão é o segundo plano de visita. Aqui tens a possibilidade de espreitar a casa onde nasceu o navegador que lhe dá o nome. Vila Real ficou, assim, no mapa dos mais importantes navegadores portugueses e agora com um edifício histórico de arquitetura medieval para ser percorrido.

Termina o percurso da manhã com um saboroso almoço no Nosso Shopping.
A tarde vai ser deslumbrante!

PARA A TARDE
A nossa sugestão passa por viajar mais longe, até Peso da Régua. Apanhar o comboio histórico da Linha do Douro num passeio pelo distrito de Vila Real com paragem na vila do Pinhão, quase sempre junto ao Douro. Percorrer a linha do Douro é como fazer uma viagem ao passado à beira rio, marcado pela beleza da paisagem numa locomotiva a vapor construída em 1925.

Por árvores das mais variadas espécies, pequenos campos, vinhas e o Douro como estrada que não suporta o trânsito das grandes cidades, chegas a Pinhão num abrir e fechar de olhos, onde tanto há para descobrir.

Ao contrário de tantas outras vilas, Pinhão é relativamente recente e rodeado por inúmeras quintas dedicadas à produção do Vinho do Porto. Setembro, e com a época das vindimas à porta, Pinhão é um local tão apetecível quanto um cálice de vinho do Porto.

Usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera-se que aceita a nossa política de cookies. Se quiser continuar a navegar no o site sem cookies, por favor instale uma extensão no seu browser. OK